Segunda-feira, 20 de Março de 2006

Poma - Amiga sofrida!

(do meu livro <Amigos>)

 

Fazendo jus à veia de poeta,

recordo suas últimas palavras.

Eram amigas,

repassavam saudades.

Faziam dó,

por serem tão amargas.

 

Que vou dizer-te que não tenha dito?

Que vou falar-te que não saibas já?

Olhar o mundo

equivale a um grito

de dor,

mas nós vivemos cá!

 

Temos, por isso, que nos contentar

com o que temos;

e ainda dar aos outros nosso amor.

Esquecidas do que vemos

e amar;

amar sem reparar no desamor.

 

É lei dos homens:

amam... CADA VEZ MENOS!

 

---------------------------

11/2000

Laura B. Martins

Soc. Port. Autores nº 20958

publicado por LauraBM às 22:11
link do post | E custa, comentar neste blog? | favorito
 O que é?

*veja como eu sou

*subscrever feeds

*meter o nariz no blog

 

*Novidades no blog

* Poema - Alentejo e girass...

* Poema - Margem Sul

* Poema - Quinta do Anjo

* Poema - Patriotismo!

* Poema - Remorso!

* Poema - Encontro na marqu...

* Poema - Faca afiada

* Poema - Lar... doce lar!

* Poema - Difícil...

* Poema - Queres sair?

* Poema - Admirável mundo n...

* Poema - Meu universo rest...

* Ginástica? Não, obrigada...

* Poema - Zero horas

* Poema - Dispersos

*Antiguidades óptimas

*Também gostará de:

* 10 blogs para conhecer no...

* Sua presença basta

* Poema - Mais vale guardar...

*Links especiais dos Blogs da minha autoria

blogs SAPO