Domingo, 10 de Abril de 2011

Poema - Alentejo e girassóis

(do meu livro «Meu mundo 'lá fora'») 

 

Entre o azul-mar do Algarve e o Norte verdejante,

tanto girassol nascido... amarelo, exuberante!

 

Girassol é conhecido por viver apaixonado

pelo sol, sempre a segui-lo, olho castanho, tisnado.

 

Era tarde de calor... o alcatrão derretido...

Na estrada, eu encontrei de costas, o atrevido.

 

Pasmei, quis fotografar do girassol amuado,

a situação divertida: o rolo tinha acabado!

 

Extensos campos que vi, acreditem, grande rol,

de girassóis combinados, costas viradas ao sol.

---------------------------

24/08/2002

Laura B. Martins

Soc. Port. Autores nº 20958

publicado por LauraBM às 23:58
link do post | E custa, comentar neste blog? | favorito
 O que é?

*veja como eu sou

*subscrever feeds

*meter o nariz no blog

 

*Novidades no blog

* Poema - Alentejo e girass...

* Poema - Margem Sul

* Poema - Quinta do Anjo

* Poema - Patriotismo!

* Poema - Remorso!

* Poema - Encontro na marqu...

* Poema - Faca afiada

* Poema - Lar... doce lar!

* Poema - Difícil...

* Poema - Queres sair?

* Poema - Admirável mundo n...

* Poema - Meu universo rest...

* Ginástica? Não, obrigada...

* Poema - Zero horas

* Poema - Dispersos

*Antiguidades óptimas

*Também gostará de:

* 10 blogs para conhecer no...

* Sua presença basta

* Poema - Mais vale guardar...

*Links especiais dos Blogs da minha autoria

blogs SAPO